sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Alegria e evangelização: 22 cidades realizaram as Colônias de Férias 2016:



Maceió - AL
A Pastoral Juvenil da Inspetoria Salesiana do Nordeste do Brasil (BRE) vem, desde 2005, mobilizando espaços e voluntários para este tipo de atividade em várias cidades do Nordeste, com as chamadas “Colônias de Férias Salesianas". Em 2016, 21 cidades (sete estados) da região aderiram ao projeto. O grande destaque este ano foi o estado do Rio Grande do Norte. Só na  cidade de Areia Branca as colônias de Férias aconteceram em 6 comunidades, contabilizando uma média de 700 crianças e adolescentes participantes das atividades, isto sem incluir os municípios vizinhos de Tibau, Grossos e  Serra do Mel, que também desenvolveram as atividades com grande adesão . A zona norte da capital do estado, Natal, a paróquia salesiana em Gramoré e o Centro Educacional Dom Bosco também conseguiram movimentar mais de 700 crianças em 5 localidades.  

 “As Colônias de Férias ganham um espaço privilegiado durante o mês de janeiro no calendário Inspetorial. Com alegria e entusiasmo crianças, adolescentes, Salesianos de Dom Bosco e membros da Família Salesiana realizam essa atividade educativa pastoral como uma proposta de evangelização e educação a fé”,  destaca o delegado inspetorial para Pastoral Juvenil, P. Eudes Barreto.  
Jaboatão - Colônia
Pe. Ricardo Sobrinho, que acompanhou as Colonias de Férias realizadas em Fortaleza, confirma  este propósito e acrescenta: “ Ao longo destes dois anos aqui em Fortaleza, nunca havia testemunhado um evento deste nível, com a participação de tantos jovens.  A Colônia de Férias é uma forma de viver a espiritualidade salesiana e sua prática educativa”.

 Anualmente é elaborada uma cartilha que traz desde encontros para formação de animadores até sugestões de atividades, orações, reflexões e desenhos para colorir. Este ano o tema trabalhado foi  “Casa Comum: Dom do Pai”, inspirado na Encíclica do Papa Laudato Sì e na Campanha da Fraternidade Ecumência, que terá como tem: Casa Comum, nossa responsabilidade e o lema: Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca. A intenção foi oferecer, não apenas aos participantes das colônias, mas especialmente aos animadores e educadores um subsídio que ajudasse em seus processos formativos e a começar mais um ano de atividades pastorais imbuídos pelos apelos vindos da Igreja Católica.
Matriz de Camaragibe - AL

Nas avaliações recebidas até o momento, os coordenadores pontuaram a atualidade da temática e de como  o subsídio ajudou a desenvolver as atividades durante as colônias.

As Colônias de Férias são gratuitas ( ou com algum valor muito simbólico) e populares, requerendo uma grande mobilização dos voluntários e  animadores para sua realização. A Pastoral Juvenil ajuda na assessoria temática  e acompanhamento, no envio de formandos salesianos ou outros jovens assessores para ajudar na realização e também redistribuindo entre as Colônias de Férias mais necessitadas todo material de papelaria, limpeza e de brinquedos arrecadados da doação solidária feita durante o Festival da Juventude Salesiana. No entanto, são as comunidades locais que arrecadaram os lanhes, confecção de camisas e o que mais necessitarem.
A proposta proporciona a centenas de crianças e adolescentes, principalmente de baixa renda, a oportunidade de vivenciar, durante o recesso escolar, atividades de caráter cultural, de lazer e claramente pastoral. É a atividade que abre as portas para outros eventos e trabalhos no decorrer do ano. Muitas das crianças, adolescentes e jovens que participam depois se engajam em grupos, entram para o oratório e especialmente depois procuram a catequese.
 
As cidades que realizaram as Colônias de Férias Salesianas este ano foram: Aracaju, Areia Branca, Abreu e Lima (Caetés), Carpina, Fortaleza, Gravatá, Grossos, Jaboatão (Curado e Colônia Salesiana), Juazeiro do Norte, Lagoa do Oiteiro (Buenos Aires ), João Pessoa, Lajedo, Maceió, Matriz de Camaragibe, Natal, Penedo, Petrolina, Picos, Santa Cruz do Capibaribe,  Serra do Mel e Tibau.


Por: Jakeline Lira

Ainda estamos recebendo as noticias e avaliações das Colônias de Férias, CLIQUE AQUI E veja as Notícias de algumas delas




quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Colônia de férias em Natal-Gramoré

A colônia de férias foi realizada 18  a 22 de janeiro  em quatro comunidades no território da Paróquia São João Bosco ( Pajuçara 1, Camara Cascudo, Sítio e Sarney) e continuou  de 25 a 29/01  e de 01 a 04/02 no Centro Educacional Dom Bosco (depois de uma semana realizada nas comunidades). Em sintonia com a proposta da Pastoral Juvenil da Inspetotia Salesiana do Nordeste, o tema foi: "Casa Comum, dom do Pai", escolhida em consonância com o tema da Campanha da Fraternidade deste ano, cuja preocupação é o cuidado e a preservação nosso planeta. Durante as tardes, a programação contemplou momentos de oração, lazer e reflexões sobre a situação atual do nosso planeta. Mais de 700 crianças e adolescentes participaram e todas as atividades.


Foram realizadas as seguintes oficinas: desenho, pintura, dança, capoeira, música, escolinha de futebol de Campo, taekwodo, estética e beleza, confecção de brinquedos, circuito de brincadeiras, escultura com balões, leitura, capoeira, hip hop, teatro além das mais variadas brincadeiras. No geral, a colônia foi avaliada de forma bem positiva. O número de crianças foi bastante expressivo e aumentou do primeiro ao último dia. A participação efetiva dos animadores foi marcante, pois eles quem ministraram oficinas e diversas tarefas. Os animadores em sua maioria, estão ligados aos grupos da AJS, oratório e vocacionados.


Fabiano Bernardino, sdb

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Colonias de Férias em Areia Branca

Entre os dias 11 a 17 de janeiro de 2016, em seis comunidades da paróquia de Nossa Senhora da Conceição, Areia Branca, RN, aconteceram as colônias de férias, que trabalhou o tema: “Casa Comum: Dom do Pai” e o lema: “ E Ele viu que tudo era bom” (Gn. 1), instruindo as crianças, adolescentes e jovens a cuidarem do nosso planeta.
Neste ano a colônia contou com mais de seiscentos participantes e noventa animadores distribuídos pelas diversas localidades: Centro Juvenil Dom Bosco, Educandário Nossa Senhora dos Navegantes, Comunidade Nossa Senhora Auxiliadora (IPE), Comunidade São Francisco (Arraial), Comunidade São João, Comunidade Sagrado Coração de Maria (Casqueira II).
Acompanhados pelos salesianos Padre Cezar (diretor), Pe. Demontier (vigário), Fábio Luciano (assistente), os pós-noviços Ivan e Josemá e o noviço Gabriel, os animadores fizeram uma semana de muita animação num clima tipicamente salesiano com orações, oficinas, gincanas, formações sobre o tema entre outras atividades.
Com muita alegria e otimismo as colônias foram encerradas no dia 16 com uma bonita celebração eucarística presidida pelo Padre Cezar e a participação das diversas comunidades.


Por: Fábio Luciano, sdb